7 de set de 2014


Foco na felicidade, desfoca o que faz mal


Trabalho, estudos, contas, problemas, falta de tempo, estresse. Aí você para e se olha no espelho, não olha só para o seu reflexo, olha para si. E ultrapassa a barreira do reflexo no espelho para refletir, pensar em você, na sua vida. Assim, você mais uma vez amadurece, um pouquinho que seja e faz uma escolha. Nesse momento você decide se vai se tornar uma pessoa melhor para si mesma ou continuar vivendo insatisfeita acomodada, vivendo o comodismo. Tenho meus altos e baixos, sei que não sou a única, todos temos. Mas aprendi com a vida que a diferença entre as pessoas que são felizes ou não está no querer, na vontade, mas as mudanças dependem de nós, de “olhar para si” e isso, faço bem. Aprendi com o tempo, não se preocupe, a vida ensina e nunca é tarde para aprender.


Hoje, mais uma vez olho para mim mesma e tomo uma decisão. Ser aquela que (re)nasceu há cerca de um ano. Uma pessoa sempre de bem com a vida, sem reclamações, sem tristeza, sem sofrimentos em vão. Uma pessoa que vê sempre o lado bom das coisas, ri por nada, pensa positivo e sabe que tudo tem sua hora. Nos últimos meses essa pessoa estava um pouco “adormecia”, mas hoje acordei e me olhei no espelho, olhei no fundo dos meus olhos e não acordei de uma soneca, acordei daquele sono profundo dos últimos meses. E mais uma vez fiz a minha escolha, não vou deixar que nada nem ninguém me adormeça novamente, ninguém me coloca em sono profundo se eu não quiser, e eu não quero mais.


Com todas as dificuldades da vida, os estresses cotidianos, como dizem os Titãs, “é preciso saber viver”. O que parece apenas mais uma música bonita é na verdade a forma que Erasmo e Roberto Carlos encontraram de demonstrar que aprenderam, passar a diante uma lição e tentar “resgatar” pessoas a tempo. Mas como já disse, temos que querer. Aqui, pode ser que o meu relato mude a sua forma de pensar, mas pode ser que não, é a maneira que eu encontrei de desabafar e quem sabe, ajudar. Para ser feliz é preciso querer, ter força de vontade, pensamento firme e foco. Sem clichês: foco em você, na sua vida, sua felicidade, seus sorrisos. Desfoca a inveja, fofoca, reclamações, estresses e tristeza.


Texto: Stephany Muzi

Fotografia: Natália Moraes

0

0 comentários:

 
No Site da Nay - Copyright © 2016 - Todos os direitos reservados.
imagem-logo