27 de abr de 2015


TIPOS DE SAIAS: Conheça o modelo certo pra você - Parte 1



Peça chave no guarda-roupa de todas as mulheres e que combina com diversos estilos sem dúvida nenhuma é a saia. Sensualidade, beleza e elegância aos looks femininos, peça que traz diferentes modelos, formatos, comprimentos e tipos de tecidos, agregando charme e beleza ao seu look. Nas ruas e nas passarelas em modelagens bem diferentes, podemos ver seus variados tipos de saia. Cada modelo tem a sua peculiaridade diferente, e é preciso conhecê-la para saber se ela combina com você, e principalmente com seu formato de corpo.
Saber usar o corte que melhor se adapta ao seu corpo e equilibrar bem a sua silhueta são alguns segredinhos que vão tornar você uma expert quando o assunto é moda.  Entenda como a saia pode valorizar as suas formas e invista no modelo ideal!

Saia Plissada
O tecido tem efeito semelhante ao de uma sanfona, com diversas dobraduras, e é aplicado no próprio tecido. Esse tecido causa uma impressão prolongada. As saias plissadas dão um ar vintage aos looks. Pelo modelo que já vem com as dobraduras no pr
óprio tecido, pode ser acinturado ou mais soltinho.

Ideal para: Ideal para as mulheres magras, com quadris estreitos, o plissado tem um volume próprio e tende a aumentar a silhueta
Tipos de corpo: retângulo, triângulo invertido e oval.
Sugestão de uso: trabalho: com uma blusa de algodão e sapatilha. Festa: com uma blusa de seda e um cinto vintage, além de salto alto.

Evite: Cores mais intensas e detalhes muito chamativos se você não quiser chamar atenção para a região.






Saia de pregas
Diferente do plissado, as pregas são feitas no momento da costura das peças e reforçadas posteriormente. As saias de pregas aparecem em filmes americanos e foram utilizadas como uniformes de escola, dando um ar fetichista à peça. Podem ser fabricadas com malhas, tecidos opacos e emborrachados, que imitam o couro, entre outros.

Ideal para: Remetem a um visual mais “menina” – por isso, estão restritas a mulheres mais jovens.
Sugestão de uso: composição de looks nas estações frias. 







Saias Godês
Também conhecidas como flared skirt, essas saias são típicas dos anos 1950 e 1980 e, nos dias de hoje, são sinônimo de romantismo e feminilidade. Elas são caracterizadas por serem bem rodadas e soltinhas, dando movimento ao visual, e por marcarem a região da cintura. A peça pode ser confeccionada em tecidos nobres e modelagem sofisticada. Cortada em círculo, com a silhueta um pouco mais folgadinha. A barra tem um formato que lembra um babado.

Ideal para: dar um ar mais elegante aos looks
Tipos de corpo: retângulo e triângulo invertido.
Sugestão de uso:  eventos chiques e elegantes. Use com blusas mais secas, já que elas aumentam a região dos quadris.
Combina com: Meninas de ombro largo, que querem equilibrar a silhueta, dando a sensação de volume nos quadris.
Evite: blusas volumosas para não exagerar. Meninas que já tem o quadril muito largo devem evitar o modelo, já que ele evidencia a região.






Saia drapeada
Possui como característica o efeito “enrugado” do tecido e ficam bem ajustadas ao corpo.
Evite: pessoas que estejam um pouco mais cheinhas devem cuidar com o volume que o drapeado proporciona à silhueta.






Saia de babados
Essas peças podem possuir diferentes tipos de babados, como regulares, irregulares, camadas, com textura ou em rufos, e podem aparecer em toda a saia ou apenas em áreas localizadas, como na barra.
Ideal para: adicionar mais volume à silhueta
Evite: não é o modelo mais indicado para as mais cheinhas.






Espero que tenham gostado, em breve a parte 2 estará disponível com mais modelos pra vocês. Fiquem ligadinhos pra não perder nenhuma dica. 
Cliquem em curtir, comentem e divulguem pros amigos. 
Beijinhos da Nay

0

0 comentários:

 
No Site da Nay - Copyright © 2016 - Todos os direitos reservados.
imagem-logo