13 de mai de 2015


Literatura: Como ter uma vida normal sendo LOUCA - Camila Fremder e Jana Rosa


Sabe aquele livro que você se identifica começando pela capa?
Poderia processar as autoras por cada linha, hahaha Camila Fremder e Jana Rosa me descrevendo em todos os capítulos. Tá, pera! Você vai pensar. “Essa Nayara é cheia de trauma!” Não é bem assim. A questão é que não tem como não rir das nossas próprias bagunças!! 


Eu conheci o livro após vê na tv. Se não me engano no programa do Jô, no dia seguinte já corri pra comprar. Comecei a ler com muitas expectativas e confesso. Fui muito feliz em todas elas!! É um dos livros mais hilário que li, e totalmente real. Bem verdade, que tem uns exageros, porém, nada é inventado. O livro é praticamente o perfeito manual para a mulher moderna.



Olha só alguns dos ensinamentos:
  • ·     Crie a sua própria turma fake das redes sociais para interagir com eles em várias línguas e ser muito cool;
  • ·     Esqueça casacos tamanho PP no carro dos outros para ninguém perceber que você está acima do peso;
  • ·     Se você passou dos 28 e não se encontrou, ataque de DJ ou faça um blog de moda;
  • ·     Sempre que uma banda estiver na moda diga que conheceu os integrantes há quatro anos em LA;
  • ·     Contrate amigos para fingir que são seus fãs no SPFW
  • ·     Frequente lançamentos de lojas, vernissages, exposições para comer e beber de graça quando você estiver no cheque especial;
  • ·    Se você passou dos 28 e não se encontrou, ataque de DJ ou faça um blog de moda;
  • ·    Se você quiser terminar com sua melhor amiga, marque vários encontros com ela e nunca apareça;
  • ·    Mantenha uma relação saudável com o seu psicopata romântico para manter sua auto-estima elevada;



Sinopse :
Em 'Como ter uma vida normal sendo louca': a autoajuda definitiva para todas as mulheres, de todas as idades e em todas as situações, Camila Fremder e Jana Rosa presenteiam as leitoras com dicas sobre as mais diversas situações do dia a dia, desde como se livrar de pessoas chatas em aviões, parecer intelectual, mesmo sem ser, até como dizer a um amigo que ele fede. Além disso, ainda ensina como se comportar na festa do encontro da turma da escola depois de muitos anos passados da formatura. O livro é interessante da primeira à última página e apresenta uma visão muito bemhumorada de situações que poderiam constranger qualquer pessoa. O prefácio é de Gloria Kalil.


Euzinha e euzinha, ops! A capa

Hiiii, olha ai pra quem diz que eu nunca apareço nas fotos ela não é atual, pois peguei a foto que tinha postado no instagram na primeira vez que li o livro (sou a louca que ler de novo e de novo e de novo, quando gosta do livro. Vocês já sabem!)

Espero que tenham gostado, por que eu simplesmente amooo esse livro de paixão!!! 
Até a próxima, beijos!!! 

0

0 comentários:

 
No Site da Nay - Copyright © 2016 - Todos os direitos reservados.
imagem-logo